Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

A manifestação da tarde desta quinta-feira (20) ficará para a história do Vale do São Francisco. Não apenas por reunir tanta gente nas ruas - 5 mil pessoas, de acordo a Polícia Militar -, mas por dar exemplo de paz e organização. Segundo os organizadores do movimento ‘O Vale Acordou’, tudo saiu conforme o planejado.
Depois de passar por Juazeiro e fechar a Ponte Presidente Dutra, os manifestantes se concentraram em frente à Prefeitura de Petrolina, na Avenida Guararapes. No local, eles entoaram gritos de “Fora Lóssio!”.
Em seguida, no prédio, os manifestantes leram uma carta aberta informando as principais reivindicações do movimento. Depois cantaram o hino nacional. Para a surpresa de muitos, um dos manifestantes amarrou um boneco com o rosto do prefeito Júlio Lóssio (PMDB) em um dos postes da avenida.
Muitos cartazes já questionavam quando seria o próximo movimento, afirmando que a mobilização não pode parar por aqui. O ato público reuniu famílias inteiras, estudantes, lideranças comunitárias, autoridades políticas - entre outros. Gente de todas as idades que cobraram itens como educação, saúde, transporte público de qualidade e, principalmente, o fim da corrupção no País.
Por Monyk Arcanjo
Fonte: Blog do Carlos Britto

Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.