Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

Foto: Lusmar Barros
Foto: Lusmar Barros
Um problema que continua assolando os moradores da Vila Saraiva na cidade de Trindade, mais precisamente na Rua Rui Barbosa a nossa reportagem esteve visitando aquela localidade onde fomos abordados pelos moradores que solicitaram desse veículo de comunicação que fizesse um apelo a COMPESA a regularização da prestação de serviço que não vem deixando a desejar, podemos ver de perto a calamidade da falta do líquido precioso.
Foto: Lusmar Barros
Foto: Lusmar Barros
Maria Isabel de Sousa é moradora daquela rua e nos conduziu a sua residência para nos mostrar os reservatórios completamente vazios, sem água para fazer as necessidades de casa. Lavar roupas, louça ou mesmo passar um pano em casa se tornou um verdadeiro transtorno para os moradores, D. Maria de Sousa está passando por um grande problema com a falta de água, durante a nossa visita em sua casa pudemos ver algo que nos chocou fortemente, D. Maria Sousa cuida de sua mãe Leontina que tem problemas mentais e que já tem a idade bem avançada com quase 90 anos vivendo em uma rede e geralmente faz suas necessidades fisiológicas na própria rede e sem água fica super difícil de fazer a limpeza de lençóis usado por dona Leontina.
Foto: Lusmar Barros
Foto: Lusmar Barros – D. Leontina tem quase 90 anos é como uma criança de braço.
Com a falta da água muitos moradores não estão efetuando o pagamento a COMPESA mais a conta está chegando todo mês independentemente se o líquido precioso chegue ou não, nem água para beber tem mais muitas pessoas ficam esperando a chegada de um carro pipa para comprar água, “além de termos que pagar a conta de água ainda temos que sair atrás de um vendedor de água que nem sabemos a procedência da água” diz dona Maria Sousa.
As contas já estão acumulando mesmo sem água
As contas já estão acumulando mesmo sem água
Outra vizinha de D. Maria de Sousa, a senhora Rosemeri Rodrigues, diz que a mais de um mês não recebe  água, “só não deixei cortar ainda a ligação dessa casa por que a casa é de aluguel, mas se fosse minha já teria cortado  a conta com a COMPESA porque só chega  a conta todo mês mais água ninguém ver” desabafa com o tom de repúdio mediante a situação.
DSC_0323
Os moradores revoltados com a situação da falta de água, mostram a única coisa que tem chegado aos seus endereços, “a conta d’água” que não atrasa e fica acumulado contas mesmo sem a chegada do líquido, é o caso de uma moradora que nos mostrou as contas que esta acumulando a cada mês que passa.
DSC_0325
O governo do estado deveria dar maior atenção as cidades do sertão que sofrem com tamanho descaso por parte da COMPESA que não dá uma satisfação coerente aos seus usuários.
As informações são do Site Folha do Araripe.

Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.