Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6


Da redação do Revista Geral

Se por um lado, uma "massa" de pessoas aplaudiram, e deliraram com as atrações milionárias do maior São João do Sertão do Araripe na cidade de Araripina, teve quem não achou muita graça em assistir de camarote os indícios de superfaturamento com o evento sendo estampados nas manchetes de dezenas de jornais do estado. Diante de um espetáculo de ostentação, com direito a shows particulares de alguns cantores como Gabriel Diniz e Iohane na casa do prefeito da cidade, cujo informações vazaram através de pessoas "aliadas" ao gestor municipal, a revolta popular foi inevitável, não bastando as manifestações nas redes sociais, um grupo de pessoas agiram de uma forma pouco vista na cidade, e num ato de coragem, foram protestar na penúltima e mais badalada noite das comemorações juninas na cidade, no show do cantor Luan Santana. 


Usando pano, pincel e tinta, um grupo de aproximadamente 25 pessoas escreveram faixas com apelo aos problemas sociais enfrentadas por Araripina: "Impunidade é o adubo da corrupção" / "Sem luta não há conquista - SOS Araripina" / "O povo não deve ter medo do seu governo. O governo é que deve ter medo do seu povo" / "O povo adverte: O governo atual é prejudicial a educação e à saúde", foram alguns textos das faixas que foram erguidas na manifestação. 

Foi diante da publicação das imagens abaixo na internet, que a ex-candidata a vereadora Cristiane Moura pelo PSB da cidade de Araripina na campanha de 2012 - Coligação União por Araripina, obtendo 218 votos - fez um comentário polêmico e difamador, classificando os manifestantes de "trombadinhas", adjetivo dado a indivíduos menores de idade que praticam atos delituosos, como baderna, roubos, furtos e uso de entorpecentes. -"Realmente vi essas faixas, eram 5 trombadinhas. Quando levantaram as faixas foram aplaudidos: Com vaias, muitas vaias. O brilho da festa ninguém apaga. Foi sucesso.", postou Cristiane.  

O São João de Araripina custou cerca de 7 milhões de reais, fora os caches das atrações musicais de renome nacional como: Aviões do Forró, Garota Safada, Leonardo, Gabriel Diniz, Malla 100 Alça e Luan Santana. O orçamento do evento se tornou um escândalo regional, despertando a desconfiança do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado que já atuam investigando as licitações. 

Muito dinheiro foi gasto, tendo em vista os problemas e necessidade vividas pela cidade nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, segurança, cultura, trânsito, dentro outros. Situações já pautadas em dezenas de matérias vinculadas tanto neste blog, como nos demais jornais da cidade e região. Os rumores são de que com a chegada das campanhas eleitorais após a copa do mundo, outras manifestações populares venham acontecer em Araripina.

Fotos da manifestação:



Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.

Assine