Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

“Quem quer ser o primeiro deve ser o último”.
Numa noite linda e com a praça lotada de fieis devotos, a noite se configurou em um momento se muita alegria, reflexão e manifestação da glória de Deus por meio da Sagrada Família.
Com a presença de várias autoridades constituídas, entre elas o prefeito Everton Costa e primeira dama Dr. Coceição, vice-prefeito Jaécio Sá e os vereadores: Alan Galdino, Ubirajara Araripe, Pollyana Sá, Edivan, Helbe Rodrigues e Serra Branca, presidida pelo Pe. Lourival da cidade de Salgueiro, a novena teve vários momentos marcantes no decorrer da noite.
Fazendo a explicação da liturgia, o Padre começa citando o Evangelho do dia (Lc 9,46-50), dizendo que muitas vezes estamos preocupados, como os discípulos, em tirar vantagem da posição que ocupamos em nosso ministério, seja na vida pública, vida religiosa ou na vida de nosso grupo ou pastoral, para ocupar um lugar de destaque perante os irmãos. Porém Jesus nos lembra sempre com suas palavras, que devemos antes de tudo ser servidores.
Tomando uma criança como exemplo, Jesus nos pede para termos sinceridade, simplicidade e pureza no coração e que não hajamos com maldade em nossas ações. Só assim poderemos atingir a plenitude do amor.
O Padre chamou a todos para reparar as ações do Papa Francisco, que mesmo ocupando uma posição de autoridade, não age com autoritarismo, mas sim nos lembra que devemos ser o último como diz o Evangelho, como devemos ser o menor como quer Jesus. O papa que mesmo em meio a aplausos (como ocorreu recentemente nos EUA), não se vangloria e trás a atenção para si mesmo. Ao contrário ele segue o Evangelho e convoca a todos para fazer o mesmo.
Dizendo isso, o padre fez um alerta que aquele que persegue o Papa (por seguir a Cristo), persegue também o Evangelho.
Padre Lourival continuou exemplificando a atitude do Papa em denunciar vários equívocos que o mundo fomenta, como o abuso contra a natureza, o trabalho escravo, o consumismo desregrado, o aborto e o comercio de armas.
Deu também o exemplo do papa emérito Bento XVI, que ao sentir que não podia completar seu ministério da maneira que o deveria, teve a humildade de ceder o cargo que ocupava a outra pessoa que tivesse mais capacitada a levar a diante O ministério tão importante como o do vigário de Cristo.
Fazendo uma analogia com essa atitude, o padre lembrou que muitas pessoas se agarram a um cargo ou posição que ocupam, e não abrem espaço para alguém mais capacitado e muitas vezes mais motivado do que elas, fazendo com que o ministério fique prejudicado.
Lembremos sempre que devemos ocupar um cargo ou posição sem os possuí-los. Principalmente as autoridades constituídas, autoridades eclesiais e coordenadores de pastorais e movimentos.
Fazendo uma explicação sobre a segunda parte do Evangelho, onde os discípulos são repreendidos por criticar o ministério de outras pessoas que pertenciam ao seu grupo, o padre alertou que realmente o Espírito Santo age em todos os lugares, porém devemos ter cuidado quando isso ocorre na nossa realidade, fazendo uma análise profunda sobre se as atitudes de alguém que diz estar o seguindo, tem realmente ligação com a mensagem de Jesus, que diz: “pois quem não está contra vós, está a vosso favor”
Jesus diz: quem não está contra vós… Quer dizer, contra os apóstolos, isto é, contra a igreja (corpo de Cristo), desejada e fundada por Ele e confiada aos apóstolos, é por vos.
Esta igreja que está aqui nesse momento, reunida em assembleia e festejando o poder de Deus que se manifesta por meio do amor que contagia a todos que participam de uma festa bela como esta.
Que a Sagrada Família interceda e que a benção do Senhor desça sobre todos os presentes. Continuemos durante todo o ano, celebrando e festejando essa festa tão linda, com muito júbilo, isto é, da maneira que a Sagrada Família Merece.

Fonte: PASCOM Paróquia Sagrada Família
Fotos: João Andrade


                                             Click na foto para ir ao Álbum

Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Assine