Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

12/09/2017

O Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, esteve nesta segunda-feira (11) no município de Cabrobó, no Sertão de Pernambuco, para autorizar a abertura das comportas da Barragem de Tucutu. A barragem faz parte do Eixo Norte da Transposição do Rio São Francisco.

Com a liberação da água, cerca de duas mil famílias, que moram nesta região, serão beneficiadas. Da Barragem de Tucutu, a água vai seguir um percurso de 45 km, até chegar em outro reservatório, no povoado de Baixio dos Grandes, que também fica em Cabrobó.

O Eixo Norte da Transposição tem 260 km de extensão e vai levar a água do Rio São Francisco para mais de 390 municípios dos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

A obra, que deveria ficar pronta em 2010, tinha um custo estimado em cerca de R$ 4,5 bilhões. Agora, está orçada em mais de R$ 8 bilhões. O ministro Helder Barbalho diz que a previsão é concluir toda a obra até o primeiro semestre do ano que vem.


Por. G1 Petrolina

Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.