Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6


14/11/2017

Ferramenta está disponível a partir desta segunda (13), através do número (81) 99488-7091. Por meio do aplicativo, Polícia Civil espera diminuir o número de roubos em coletivos.

omo parte das ações de uma força-tarefa implementada em agosto de 2017 para diminuir os assaltos a ônibus em Pernambuco, a Secretaria de Defesa Social (SDS) disponibiliza, a partir desta segunda-feira (13), um número para denúncias sobre roubos em coletivos através do WhatsApp. Por meio do canal, é possível enviar para o número (81) 99488-7091 imagens, vídeos e mensagens de texto com o objetivo de colaborar para o trabalho da polícia e minimizar as ocorrências.

O aplicativo é gerenciado pela Polícia Civil, que busca coibir as ações criminosas dentro dos ônibus. “Sabemos que muitas dessas denúncias serão feitas após a ocorrência, mas vai ser mais uma forma de ajudar a polícia nas investigações”, frisa o delegado Joel Venâncio, coordenador da Polícia Civil na Força-tarefa Coletivos. O sigilo da identidade do denunciante é garantido pela corporação.

De acordo com a SDS, a Força-tarefa Coletivos é resultado de uma parceria com o Grande Recife Consórcio de Transporte e as empresas de ônibus. Segundo a pasta, o trabalho consiste em reuniões semanais para discutir os fatos ocorridos a cada sete dias e implementar reforços na segurança em determinados locais ou linhas de ônibus em que há mais registro de assaltos.

A SDS também informou que o trabalho da Força-tarefa Coletivos rendeu, desde agosto, a diminuição nos números de assaltos a ônibus em relação a 2016. Em outubro de 2017, foram registradas 65 ocorrências em todo o estado, enquanto, no mesmo mês do ano anterior, foram contabilizados 107 casos. Ainda de acordo com a pasta, foram presos 272 suspeitos de assalto a ônibus entre os meses de janeiro a outubro de 2017.

Número de assaltos a ônibus em Pernambuco

2016 2017
Agosto 145 155
Setembro 132 75
Outubro 107 65

Fonte: Secretaria de Defesa Social de Pernambuco

Ainda assim, as ocorrências são praticamente diárias, pois, em outubro de 2017, 28 dos 31 dias do mês tiveram registro de assalto a ônibus. "Não há nada a comemorar. Ainda há muito a fazer para diminuir essas ocorrências e trazer segurança à população pernambucana. Essa operação não tem data para acabar, porque queremos melhorar cada vez mais o serviço de segurança nos coletivos em Pernambuco", ressalta o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua.

Em relação à disparidade com os números apresentados pelo Sindicato dos Rodoviários de Pernambuco, que contabilizou 281 ocorrências criminosas em ônibus em outubro de 2017, a SDS não sabe precisar o que causa a diferença entre as contagens, mas explica que o cálculo do estado é feito com base no assalto ao apurado através das tarifas do ônibus. "Quando os passageiros são assaltados, consideramos como assalto a transeunte dentro do ônibus", explica o secretário executivo de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire.

Por. G1 Pernambuco

Sobre João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.

Assine