Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

27/06/2019

Outro acidente fatal aconteceu no mesmo local em abril de 2018. Um motociclista morreu ao colidir com a barreira de interdição da ponte

Duas pessoas que estavam em um caminhão morreram na na madrugada dessa quinta-feira (27) no espaço da ponte sobre o Rio Pequi em Bodocó, no Sertão do Araripe. De acordo com as primeiras informações, o veículo estava carregado de carnes e seguia com destino ao estado do Ceará.

Segundo motoristas que trafegam pelo trecho da rodovia estadual, existe apenas uma placa indicando o desvio, mas o local que dá acesso a ponte que foi destruída não foi colocado muretas ou quaisquer outra sinalização com maior visibilidade no sentido de impossibilitar a passagem de veículos ou de pessoas.

Outro acidente no mesmo local foi registrado em abril de 2018 o jovem Francisco Alves de Sousa Filho, de 18 anos, natural de Bodocó, perdeu o controle de sua moto ao colidir com a barreira de interdição da ponte que encontra-se interditada após a forte enxurrada que atingiu o município no dia 13 de abril do mesmo ano. Segundo populares que estavam no local, o rapaz estava alcoolizado e sem uso de capacete.

Licitação

Um ano depois do primeiro acidente, em abril desse ano, o Governo de Pernambuco lançou licitação para a construção da Ponte sobre o Rio Pequi, em Bodocó. Foi publicado no Diário Oficial do Estado o edital para a contratação da empresa que executará a obra, orçada em aproximadamente R$ 2,1 milhões, com recursos já garantidos pela administração estadual. Segundo o governo, a expectativa é que a ação seja finalizada até o final de outubro desse ano.

Segundo o Governo de PE, a nova estrutura terá 60 metros de comprimento por 10,80 metros de largura e será construída em concreto armado. O equipamento contará com duas faixas para veículos, passeio para os pedestres, além de guarda-corpo para garantir a segurança dos transeuntes.

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução WhatsApp

Sobre BLOG DO JOÃO ANDRADE

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.

Assine