Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

09/01/2020

Várias delegacias não estão funcionando em esquema de plantão (Foto: reprodução)

Um dia após o Ronda JC denunciar a dificuldade da população pernambucana em encontrar delegacias abertas à noite e nos finais de semana, a Polícia Civil de Pernambuco reconheceu, por meio de nota, que apenas 12% das delegacias funcionam em regime de plantão. Segundo a assessoria do órgão, há 368 unidades policiais em todo o Estado, mas só 45 funcionam 24 horas por dia, com prisões em flagrante e boletins de ocorrência.

A reportagem do blog denunciou que delegacias de bairros como Ipsep, Ibura, Jordão, Joana Bezerra, entre outros, só funcionam das 8h às 18h de segunda a sexta-feira. Nos outros horários, as portas estão fechadas.

A nota da Polícia Civil, no entanto, afirma que as unidades que não estão em regime de plantão “atendem à população no registro dos boletins de ocorrência”.

O problema é que, na prática, não é bem assim. São constantes as denúncias de pessoas que procuram essas delegacias à noite, mas não conseguem sequer uma orientação. Fica a sugestão à cúpula da Polícia Civil e à Corregedoria da Secretaria de Defesa Social para que equipes façam uma visita surpresa a essas unidades.

A seguir, a nota oficial da Polícia Civil:

“A Polícia Civil de Pernambuco informa que trabalha diuturnamente para garantir o atendimento à população que necessita dos seus serviços. São 368 delegacias em todo o Estado (incluindo as localizadas dentro dos Complexos Policiais e as 26 delegacias seccionais) e as 45 delegacias que possuem regime de plantão, compreendendo ainda as delegacias especializadas para o atendimento à Criança e ao Adolescente e também à Mulher. Ainda, nas unidades da Corporação, fora dos horários de expediente, feriados e finais de semana, as delegacias que não são sede de plantão, atendem à população no registro dos boletins de ocorrência. Vale lembrar que existe a possibilidade de, no conforto do seu lar, o cidadão registrar através da Delegacia pela Internet os crimes previstos para registro online (http://servicos.sds.pe.gov.br/delegacia). A atual gestão vem realizando investimentos aportados em recursos humanos e infraestrutura, visando também bem atender à população. Ano passado, 511 concursados foram convocados para o curso de Agentes de Polícia, o que robustecerá ainda mais à atuação da Corporação. Em 2018, já haviam sido convocados 850 classificados do mesmo concurso (aberto em 2016), dos quais 620 eram agentes. Agora, serão 1.131 novos agentes, mais que o dobro do previsto no lançamento do concurso público. O empenho dos policiais civis tem feito com que a Corporação tenha superado, em 2019, todos os indicadores históricos, fazendo com que a PCPE se destaque no cenário nacional, com uma taxa de resolução de homicídios que ultrapassa os 60%, enquanto a média nacional gira em torno de 10%.”

Por Roberto Gonçalves 

Sobre Blog João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.

Assine