Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5[ImagesOnly]

Style6

26/08/2020


O Colegiado da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (Alepe) deu o parecer favorável a nove projetos em homenagem a personalidades de diversas áreas no estado, na última segunda-feira (24). Dentre eles, está o título de Patrono do Brega para o cantor Reginaldo Rossi, de autoria de Clodoaldo Magalhães (PSB). Entre os parlamentares que condeceram o parecer está Teresa Leitão (PT), que também é a relatora do projeto na comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCJ). Assim, a votação poderá seguir ao plenário.

"O título é muito bem concedido no sentido da identidade que Reginaldo tinha com o brega, que traz poesia e uma real leitura do cotidiano", pontua Teresa, reiterando a importância da homenagem ao cantor, falecido em 20 de dezembro de 2013. Os deputados Aloísio Lessa (PSB) e Waldemar Borges (PSB) também declararam apoio ao título. Esse segundo ainda lembrou da participação de Rossi em Comícios pela Democracia e que ele "também prestou serviços com suas mensagens anti-machismo e anti-drogas".

Com mais de 50 anos de carreira, Reginaldo Rossi começou a carreira musical com o rock da Jovem Guarda no grupo Silver Jets e depois enveredou para as músicas românticas, dominando o Norte e o Nordeste do país. Com a canção Garçom, de 1986, alcançou o restante do Brasil e se tornou um cantor nacional. Foi contemporâneo a uma geração de cantores românticos tachada de brega por falar diretamente com o povo. Em Pernambuco, reformulou o conceito de brega com músicas que abordavam o sentimento humano, fossem dores, amores ou ilusões. O artista faleceu após descobrir a existência de um tumor no pulmão.

Mais homenagens

Ainda na reunião da segunda-feira (24), o colegiado deu aval a uma série de homenagens a personalidades que marcaram a cultura pernambucana. João Cabral de Melo Neto foi apontando como possível Patrono da Poesia no Estado, enquanto Osman da Costa Lins poderá ser o Patrono da Dramaturgia. Ao pintor Cicero Dias coube o título de Patrono da Estética do Modernismo de Pernambuco, enquanto Abelardo Germano da Hora ficou com o Patrono das Artes Plásticas. Naná Vasconcelos foi indicado para receber o título na categoria Percussão.

No dia 11 de agosto, a escritora Clarice Lispector recebeu o título de patrona da literatura de Pernambuco. O reconhecimento foi oficializado, nesta segunda-feira (11), por meio de uma lei de autoria do deputado estadual Professor Paulo Dutra (PSB) publicada no Diário Oficial.

Fonte - Diário de Pernambuco

Sobre Blog João Andrade

João Eliezio Santos Andrade (João Andrade), Trindadense por natureza. Dono de um olhar altamente Futurista, nasceu na Cidade de Araripina - PE aos 11 de maio de 1995. João Andrade tem 11 irmãos todos Filhos de Maria Odetiza dos Santos Andrade e de Gerson Brando de Andrade. Desde criança sonhava em ser comunicador. Na escola era o líder dos protagonistas, hoje presidente da única Associação de Radiodifusão no município de Trindade, luta desde o ano de 2010 por uma Radio Comunitária para a população.
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

O espaço para comentários permite que aqueles que acessam este blog possam exprimir a sua opinião em relação ao tema tratado livremente de forma que não contenha qualquer tipo de crime, viole as leis do Brasil, divulgue produtos ou serviços e spams.

As opiniões expressas nos comentários não significam a posição do Blog João Andrade.

Assine